Dicas de viagem para Verbier – Suíça

Olá Brasil, eu sou o Rodrigo Ruas e está começando mais um Viagem Cultural. Hoje faremos nossa terceira parada na Suíça, estamos na bela aldeia de Verbier, um ótimo local para esportes de neve!

Nos programas passados eu conheci a cidade de Zurique e Interlaken.
Em Zurique fiz um city tour e conheci alguns museus, já em Interlaken tive uma viagem cheia de aventuras, onde fiz caiaque, snowboard, me aventurei numa tirolesa e patinei no gelo.
Para fechar essa trilogia na Suíça eu passo por Verbier. A região possui uma das maiores montanhas esquiáveis do país, então não pude deixar de me aventurar no snowboard.

Andei em um trenó puxado por cães e voei de parapente por cima dos alpes suíços. De noite me diverti numa festa super agitada no Le Farinet.

Entrevistei a tri-campeã do Verbier Xtreme na modalidade de freeride e ela me mostrou um pouco das aventuras que já enfrentou. Degustei também alguns vinhos suíços na Vina Bagnes.

Verbier é um destino muito famoso por hospedar a final do campeonato de free ride, esportes extremos de neve que exigem um grande esforço físico.
E para nos explicar melhor sobre esses esportes radicais, me encontrei com a Géraldine Fasnacht, tri campeã do Verbier Xtreme na modalidade de free ride ski, que também faz saltos livres.

OFF HOTEL LA CORDE DES ALPES
Minha dica de hospedagem em Verbier é o La Cordée des Alpes, um hotel quatro estrelas localizado dentro de um excelente ski resort.
É uma ótima opção para quem deseja ficar perto das montanhas para esquiar e para o conforto após um dia cheio de esporte.
O hotel mistura a arquitetura rústica em seu exterior com uma decoração moderna e requintada em suas diversas salas, fazendo o hóspede se sentir o mais confortável possível.
O restaurante é amplo e possui um café da manhã bastante reforçado para você começar suas atividades na neve cheio de energia.
O hotel também possui saunas e piscinas aquecidas para dar ao hóspede um relaxamento completo após os esportes na montanha.

Para conhecer mais sobre a cultura Suíça, descobri como o queijo Raclette é feito.
Logo de manhã o leite é colocado na caldeira, onde será aquecido e passará pelo processo de coalhada e então cortado por uma máquina.
Após adicionar água e aquecer o coalho, o queijo é colocado em um recipiente onde é prensado em blocos e em seguida é cortado em pedaços que são colocados dentro de moldes e ficarão descansando por 12 horas.

✚ REDES SOCIAIS:

✈http://www.instagram.com/viagemcultural
✈ http://www.instagram.com/rodrigoruastv
✈ http://www.facebook.com/programaviage…
✈ http://viagemcultural.com.br/

✚ EDIÇÃO:

✈ Paola Santana: https://www.instagram.com/stnpaola/
✈ Nathalia Greghi: https://www.instagram.com/natgreghi/

✈ Músicas:

Paradise
Deeperise & Mr.Nu

Habits
Deeperise & Tolgah Ft.Julia Westlin

Control
High Rule

Well Known is Gone
Jimmysquare

Masquerade
Jimmysquare

Fog
Jimmysquare

Midnight City
Jimmysquare

Like Apollo
Jimmysquare

Next to you
Jimmysquare

Soulful View
Juckedeck

Summer (Dipcrusher Remix)
Calvin Harris

Tropical Love (Original Mix)
Del

You Never Know (Original Mix)
Del

Tropical Love (Original Mix)
Del

Easier to Fade ft. Madi Larson
A Himitsu

Adventures
A Himitsu

Strangely Unaffected
Dylan Hardy

21st Aug 3 (W EZMIX TAPE DRIVE)
David Hyde

Miniscule Choices
Jukedeck

Dusty Seas
Jukedeck

Youthful Balance
Jukedeck

Elevation
Tranquis

Pining (I’m Broken)
Aritus

Obsessed
High Rule

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *